Projetos

PROGRAMA DE VOLUNTARIADO

O programa de voluntariado do SOSAMF está aberto à comunidade em geral.

Os interessados devem enviar currículo para contato@sosmulherefamilia.org.br

CONTRIBUINTE MENSAL

Por que colaborar?

Por meio de uma equipe interdisciplinar, a instituição promove o atendimento de mulheres e famílias em situações de violência (espancamento, ameaças de morte, crimes de natureza sexual, violência psicológica, estupros, discriminações, educação diferenciada), inspirando-se para isso nos princípios dos Direitos Humanos e Cidadania.

O que é um sócio contribuinte?

O sócio colabora através de boleto bancário impresso via internet, ou por meio de depósito em conta corrente.

Um sócio contribuinte é um colaborador espontâneo que mensalmente ajuda com um valor de sua escolha. Esse valor é direcionado para a manutenção dos projetos e investido em áreas carentes de recursos.

Como ser um sócio contribuinte?

Entre em contato por e-mail, telefone ou na própria sede. Vale ressaltar que o pagamento é espontâneo.

O sócio receberá um certificado ao final de doze parcelas descrevendo o valor de contribuição.

Quanto contribuir?

A contribuição é de escolha do sócio e pode ser reduzido ou acrescentado qualquer valor, quando necessário.

CONTRIBUINTE EVENTUAL

A contribuição também pode ser eventual, segundo necessidades pontuais:

  • Material de escritório;
  • Material de limpeza;
  • Produtos de informática;
  • Dinheiro.

DESTINAÇÃO DO IMPOSTO DE RENDA

Destine parte do seu imposto de renda ao SOS Ação Mulher e Família, através do Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente.

Empresas tributadas com base no Lucro Real podem fazer a destinação de 1% do imposto de renda devido à União para o Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (FMDCA). A destinação de 1% deve ser feita durante o ano fiscal e não concorre com os benefícios fiscais (PAT, PDTI/PDTA), atividade audiovisual, doações ou patrocínios de caráter cultural e artístico.

Pessoas físicas que apresentem declaração no modelo completo podem destinar até 6% do imposto de renda devido ao Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (FMDCA). Mesmo tendo IR a restituir, a destinação pode ser efetuada. O valor será ressarcido junto à restituição.

Para colaborar, basta que a pessoa jurídica ou física efetue o pagamento até o último dia útil bancário do ano, através de boleto bancário impresso on line.

  1. Acesse: www.campinas.sp.gov.br
  2. Clique no link: Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente
  3. Efetue seu cadastro: preencha o formulário, indicando a entidade SOS AÇÃO MULHER E FAMÍLIA, e imprima o comprovante.

Mais informações no site da Prefeitura de Campinas

PROGRAMA NOTA FISCAL PAULISTA

Você pode doar para o SOS Ação Mulher e Família os créditos fiscais de sua compra através do programa da Nota Fiscal Paulista.

É só informar nosso CNPJ 54.153.846/0001-90 ao fazer compras.

Entidades Sociais (Assistência Social e da Área da Saúde)

Informamos que nos termos da Lei nº 12.685/2007, a qual dispõe sobre a criação do Programa de Estímulo à Cidadania Fiscal do Estado de São Paulo, as entidades de assistência social e da área da saúde poderão se beneficiar no Programa da Nota Fiscal Paulista das seguintes maneiras:

  • Receber notas e cupons fiscais sem a identificação do consumidor e cadastrá-las no sistema da Nota Fiscal Paulista por meio de seus “usuários cadastradores”;
  • Receber a doação de documentos fiscais por meio do sistema da Nota Fiscal Paulista, cadastrados por consumidores a favor da entidade social;
  • Participar dos Sorteios realizados mensalmente pelo programa.

http://www.nfp.fazenda.sp.gov.br/entidades_soc.shtm

Mais informações no site da Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo

 

Qualquer dúvida, fale conosco.